Categorias
Dicas de Limpeza

Dicas simples para suas roupas durarem mais

Ter roupas sempre limpas, sem manchas e, principalmente, bem-conservadas requer alguns cuidados especiais. Pensando nisso, separamos algumas dicas para te ajudar na hora da lavagem. Confira!

Lave com menos frequência

A cada lavagem, com a remoção da sujeira, há também o desgaste das fibras. Já notou que com o tempo vão surgindo fiapos e até bolinhas em sua roupa? Isso é devido ao desgaste dessas fibras, que pode ocorrer com o uso, mas que é mais agressivo durante a lavagem, principalmente em máquina de lavar.

Verifique os bolsos

Antes de lavar, veja se não há nada nos bolsos e feche os botões e zíperes e velcros para evitar danificar sua peça.

Capacidade da máquina 

Respeite a capacidade da sua máquina de lavar e evite lavar uma única peça, isso também pode desgastar suas roupas mais rápido.

Não corte as etiquetas

As etiquetas são muito importantes. Elas vão dizer qual a melhor forma de conservar cada peça. Os símbolos mais comuns são: Lavagem, Alvejamento, Secagem em secadora, Secagem natural e Cuidados profissionais. 

Separe roupas por cor

Lavar com cores similares evita que roupas de coloração mais forte manche roupas mais claras e que roupas escuras fiquem fibras (bolinhas) cores mais claras.

Manchas difíceis 

Ao remover manchas antes da lavagem é possível evitar que a roupa fique por muito tempo no processo, auxiliando na conservação da sua peça.

Roupas de molho

Não deixe suas roupas por muito tempo de molho. Quando as peças ficam por muito tempo imersas na água elas podem desbotar sua cor e também ficar com mau cheiro.

No Carrefour, você encontra os melhores produtos para te ajudar na lavagem das roupas, e todos passam por um controle de qualidade antes de chegar até as prateleiras, para garantir o melhor a um preço acessível para você. Aproveite!

Categorias
Beleza e Saúde

A tendência do moletom veio para ficar

Estilo e conforto andam juntos. E o melhor é que a peça pode ser usada em diversas combinações. 

Já foi o tempo em que o moletom era apenas para ficar em casa ou, no máximo, usar como agasalho na academia. Confortável, a peça teve seu status fashion elevado e apareceu até em grandes desfiles de moda. 

Sucesso absoluto em 2020, o moletom continua em alta este ano. Ele pode ser usado como conjunto ou separadamente, formando ótimos looks. As peças agora estão com um corte mais moderno, mais estreito, e combinam muito com o público mais jovem. 

Selecionamos aqui algumas combinações para você se inspirar e apostar nas peças de moletom nesse Inverno. Confira!

Moletom + calça jeans

A calça jeans combina com tudo, e com o moletom não seria diferente. Combinar o casaco de moletom com uma calça jeans é uma ótima solução para um look mais casual. 

Moletom + saia

Você pode combinar seu moletom com saias do tipo evasê, com babados ou pregueada. E para deixar o look mais elaborado é só combinar com uma meia-calça ou colocar um cintinho marcando a cintura. 

Calça de moletom

Uma boa sugestão é combinar a calça de moletom com tops e bodys. As calças de moletom com listras estão em alta, e são as queridinhas das fashionistas. 

Moletom total

Usar moletom por completo também está na moda. E não precisa ter receio de ficar parecendo pijama. A diferença está em como você escolhe o seu moletom. Prefira cores mais neutras como cinza, preto ou branco. 

Categorias
Beleza e Saúde

Qual o melhor look: jaqueta ou casaco?

Quando acaba o verão, o jeito de vestir das pessoas muda. Saem os shorts, regatas, vestidos com alças e entram roupas mais pesadas, digamos assim. Os calçados também mudam: sandálias e chinelos dão lugar a botas, tênis e todo tipo de sapato fechado. Se o tempo esfria, é imprescindível ter à mão uma jaqueta ou casaco para se aquecer. Veja mais dicas de moda que separamos para você.

Casaco

O casaco é uma peça básica quando o assunto é se proteger do frio. Logo, esse item do vestuário é perfeito para ajudar a manter em dia a sua saúde e beleza. O comprimento do casaco vai até o meio das coxas, possui abertura frontal, botões e gola. Normalmente, ele é feito em tecidos mais grossos ou pesados justamente para aquecer quem usa. Essa peça de roupa costuma ir por cima de uma blusa e é usado como a peça final do vestuário. Para dar mais charme ao seu look, combine o casaco com cachecóis, luvas e botas. Assim, além de se proteger do frio, você vai ficar muito elegante.

Jaqueta

A jaqueta é um tipo de casaco mais curto, ajustado ao corpo e, por isso, acinturado. Pode ser confeccionada em diversos tecidos, como jeans, sarja, nylon, moletom ou couro. Perfeita para quem quer um visual mais sofisticado e ao mesmo tempo estiloso, a jaqueta pode ser colocada sobre blusas tanto masculinas quanto femininas e vestidos (no caso das jaquetas femininas, claro). Diferentemente do casaco, a jaqueta pode ser usada fechada como se fosse uma blusa e sem a necessidade de outra blusa por baixo. Esse tipo de peça de roupa se popularizou muito no look de motociclistas inspirados por James Dean que aderiu às jaquetas de couro que, além de lindas, protegem a pele em caso de acidentes.

Jaqueta ou casaco?

Pode-se entender que o casaco é aquela peça de roupa que você coloca para sair na rua sem sentir frio e, sempre que entra em um ambiente fechado, a tendência é que você tire o casaco e só vista novamente quando for sair. Já a jaqueta, por permitir seu uso sem outras blusas por baixo, é uma peça que colocamos para compor um visual com mais opções de combinação e que oferece um look mais estiloso permitindo seu uso com várias opções de combinação.

O fato é que se você estiver de jaqueta ou casaco, dificilmente sentirá frio. Então escolha qual tem mais a ver com você e boas compras.

Categorias
Beleza e Saúde

Aprenda como usar cachecol de maneiras diferentes

As estações como outono e inverno fazem com que as pessoas fiquem mais elegantes ao usarem casacos, sobretudo, botas, touca e cachecol. Aliás, esse último item pode funcionar tanto como uma peça para aquecer nos dias mais frios como para dar um toque nos looks nos dias não tão frios. Confira as dicas de como usar cachecol e deixar seu look mais despojado ou elegante, dependendo do seu estilo, ressaltando sua beleza.

Cachecol e suas cores

Essa peça é uma das mais versáteis, já que ela pode ser usada para cumprir sua função que é aquecer, como também ser a peça que dará um toque a mais no seu look. Não fique só nas cores mais discretas como preto, cinza e marrom, aposte em cachecóis coloridos. Você pode se vestir de preto e finalizar com um cachecol vermelho ou amarelo, por exemplo.

Tipos de nós em cachecol

Aqui você também pode soltar a imaginação e usar a criatividade. Mas se quiser ideias confira algumas: Coloque o cachecol sobre seus ombros, de forma que uma ponta fique mais curta que a outra. Pegue a ponta mais comprida e jogue-a por cima do ombro em direção às costas. Dobre o cachecol ao meio. Coloque-o em volta do pescoço, de modo que a ponta dobrada fique próxima do pescoço. Passe a ponta não dobrada por dentro da que está próxima ao pescoço e ajuste de forma que fique confortável para você.

Com esses dois modos de dispor o cachecol ao redor de seu pescoço, você pode variar e criar novos tipos de acordo com a sua personalidade. Aqui varie em cima dela e deixe seu look com a sua personalidade.

Como usar cachecol com roupas

Além de saber os tipos de nós e poder variar nas cores dando um up no preto básico, você pode combinar o cachecol com várias peças de roupa. Normalmente usamos com sobretudo ou casacos, mas você pode usar com:

– Vestido;

– Jaquetas de couro;

– Blazer; Cardigã e calça;

– Cardigã e vestido;

– Suéter;

– Camisa;

– Camiseta.

Enfim, você tem inúmeros modos de usar um cachecol e com inúmeras combinações. O importante é colocá-lo de um modo que tenha a ver com seu estilo de se vestir. Em primeiro lugar, você deve se sentir bem ao usá-lo.

Categorias
Infantil

Como fazer fantasia para criança com roupas usadas

Quem disse que fantasiar os seus pequenos precisa ser caro? Festas como Carnaval, Junina, Halloween e até alguns aniversários são ótimas oportunidades para fazer o lado lúdico falar mais alto.

Mas, como economia é a palavra-chave do nosso tempo, dá para pensar em como fazer fantasia para elas sem gastar muito. E, em alguns casos, nada! Confira as nossas dicas para aproveitar roupas antigas e criar fantasias para as crianças e alegrar o mundo infantil.

Como fazer fantasia que deixe a criança brincar?

Uma das primeiras dicas para você ter em mente é, antes de mais nada, lembrar que a fantasia para criança deve ser algo leve, que não atrapalhe os movimentos, resistente e segura. Nada de alfinetes, pontas vivas ou outros itens que possam machucar os pequenos, ok?

Dito isso, você começa a planejar a fantasia. É claro que existem os clássicos como pirata, colombina ou palhaço. Mas, que tal começar a customização perguntando para a criança qual o seu personagem preferido? Sabe como é, a preferência da garotada muda o tempo todo, e vestir de Arlequim quem queria ser o Batman quebra o clima.

Escolhendo roupas que possam ser customizadas

Ok, vocês escolheram juntos o tema da roupa. Agora é hora de dar uma olhada no armário e ver que peças podem ser usadas para o fim. Vale lembrar que algumas vezes a roupa não voltará para o armário, não é? O pequeno vai curtir muito e a peça vai sofrer. Então, opte por roupas leves, de cadarço de preferência, no caso das bermudas, e que possam ser perdidas sem prejudicar o guarda-roupa da criança.

E como customizar?

Nesse momento é hora de usar toda a sua criatividade. Vamos mostrar algumas ideias, mas fique livre para inventar as suas também.

Batman Moleque – Separe uma bermuda preta e camiseta da mesma cor. Com paetês faça o símbolo do morcego no peito da criança. Improvise botas e luvas com tubos de cartolina colados com fita durex.

Superpoderosas da mamãe – Essa fica legal para quem tem 3 meninas que vão curtir juntas. Separe roupas nas cores correspondentes de Docinho, Lindinha e Florzinha e faça olhos de papel celofane.

Tarzan e Jane – Essa é para deixar as crianças mais soltas. Aquela sunguinha de banho que você não usa mais e o biquíni que já ficou fora de moda podem ser transformados nas fantasias do casal selvagem mais famoso de todos os tempos. O segredo aqui está em customizar a roupa de banho com folhinhas feitas de papel crepom, que fazem a lembrança com a selva.

Os clássicos também valem – É claro que não precisamos falar só dos personagens mais queridos dos pequenos. As fantasias que não saem de moda nunca também têm espaço. Dá para fazer uma bailarina vestindo a criança com camiseta branca, legging branca e comprar a saia de tule; um lençol branco vira um fantasma; e o tapa-olho feito de feltro ou veludo aproveitado de uma antiga calça cria um pirata!

Legal, né? Saber como fazer fantasia não é difícil. Agora, é liberar a animação dos pequenos, beber bastante água e curtir o carnaval.

Categorias
Casa e Decoração

Para economizar: aprenda como reaproveitar roupas

Existem peças de roupa que você não utiliza e que estão guardadas em seu armário? Com relativa frequência, é comum perdermos o interesse por determinada peça e não termos mais vontade de usar roupas que já temos há algum tempo ou que, por descuido, têm manchas ou furos ocasionados pelo uso. Tendo noções de costura e bastante criatividade, é possível dar uma sobrevida a essas peças. Para isso, basta conferir nossas dicas de como reaproveitar roupas.

Roupas manchadas, rasgadas ou furadas

Para peças de roupas manchadas ou furadas, dependendo do local onde se localiza o furo ou a mancha, é possível customizar essas roupas, transformando, por exemplo, calças em bermudas, camisas ou jaquetas em casacos, vestidos em saia e blusa. Preste atenção nos acabamentos das peças para que fiquem perfeitos. Faça bainhas ou arremate com sobreposição de tecidos na costura para dar aquele toque especial com leveza a essa roupa.

Roupas manchadas sem opção de corte

Se houve uma mancha na roupa que torna impossível cortar a peça, você pode, dependendo do tipo de tecido (informe-se antes), tingir essa roupa. Para isso, escolha novas cores que terão boa cobertura sobre as peças. Geralmente, o aconselhável é optar por cores mais escuras que o tom original do tecido, garantindo perfeito acabamento.

Como reaproveitar roupas usando reciclagem

Também pode ocorrer o caso inverso: amarmos uma peça de roupa que, de tanto ter sido usada, acaba ficando desgastada pelo número de lavagens. Nesse caso, recomendamos que você estude uma alternativa para recuperá-la. Por exemplo, um suéter muito usado pode ter os cotovelos das mangas recuperados se você costurar pequenas patchs de veludo. A gola de casacos e jaquetas com desgastes pode ganhar um novo acabamento com a costura de um novo tecido por cima da gola antiga.

Enfim, essas são algumas possibilidades de você reciclar suas roupas, dando novo visual ao antigo e aproveitando o que já tem em seu armário. O mais importante é que você desenvolva o olhar de como reaproveitar roupas e torne isso uma prática frequente para economizar e consumir de forma mais consciente.