Categorias
Infantil

Skate ou patins: qual é o mais divertido para brincar com os filhos?

Boa parte dos adultos e crianças gosta de ficar em pé sobre patins e fazer manobras radicais no skate. Aliás, andar de skate ou patins pela primeira vez são conquistas inesquecíveis para qualquer criança. Essas são, sem dúvida, 2 excelentes formas de diversão em família. Confira.

Diversão e liberdade

A sensação de liberdade é uma das principais características que chamam a atenção de quem gosta de andar de skate ou patins. Sentir o vento no rosto enquanto avança sobre 2 ou 4 rodinhas é delicioso, além da adrenalina ou praticar saltos e manobras radicais. Por isso, adultos e crianças se apaixonam por esse tipo de esporte e muitos até se profissionalizam e vivem viajando para disputar campeonatos. Ensinar seus filhos a andar sobre skate ou patins não implica necessariamente que você tenha que saber, mas transmitir segurança, segurar na mão e ajudar a começar, qualquer um pode fazer. Ou, se você preferir, peça ajuda de quem sabe e junte-se aos seus filhos no aprendizado.

Skate ou patins?

A similaridade entre esses esportes começa pelos equipamentos de segurança que ambos exigem: capacete, joelheiras e cotoveleiras são o básico para os dois. Porém, no skate você também precisa de um bom tênis para se equilibrar em cima do shape, enquanto que os patins são “sapatos com rodas”. Então não se esqueça das meias. Embora tanto skate quanto patins sejam também considerados brinquedos, não podemos abrir mão da segurança dos seus praticantes.

Patins

O peso dos patins e a exigência de um maior equilíbrio sobre suas rodinhas indicam que iniciar a atividade por volta dos 5 ou 6 anos é o ideal. Assim, a criança já consegue andar e correr sem se desequilibrar e já desenvolveu a firmeza necessária nas pernas. Para começar, o modelo mais antigo com 2 rodas de cada lado e que é usado atualmente nas competições de patinação artística é o mais indicado.

Os patins in line, por exigirem um equilíbrio maior nas pernas, são indicados para crianças que já estão feras no assunto e pedem aos pais a troca de modelo por se sentirem seguras no esporte.

Skate

O skate é uma brincadeira que pode ser praticada a partir dos 6 anos, exatamente porque a noção de equilíbrio está mais desenvolvida nessa fase, o que torna o esporte mais seguro a partir dessa idade. O modelo do skate precisa se adequar ao tamanho da criança, para que 2 pés fiquem equilibrados sobre o shape (a estrutura de madeira), que pode ser encontrado em diversos tamanhos. Os modelos com shape articulado costumam facilitar ainda mais o aprendizado desse esporte. No começo, execute manobras simples em lugares planos. Quando perceber que a criança se sente segura, comece a treinar nas rampas.

Se você quer andar de skate ou patins, não esqueça os equipamentos de segurança e escolha a modalidade que mais agrada você.

Categorias
Esporte e Lazer Infantil

Como escolher patins e se divertir ao ar livre

Para saber como escolher patins é preciso conhecer todos os modelos e depois comprar aquele que mais se adequar aos seus objetivos. Mas independentemente disso, todas as opções são ótimas para passeios e atividades ao ar livre. E o melhor de tudo é que além de se divertir e curtir toda a adrenalina que os patins proporcionam, você ainda vai praticar uma ótima atividade física, que fortalece os músculos dos membros inferiores, abdome e glúteos, além de queimar de 500 a 800 calorias em apenas uma hora. Se quer apostar nessa diversão, confira os modelos disponíveis para você!

Tipos de Patins

1 – Recreativo

Inclua esse na relação de brinquedos, afinal, é indicado para uso esporádico de crianças e adultos que querem patinar por lazer, de forma mais lenta e em distância moderada. As rodinhas têm tamanho médio e a estrutura é de plástico reforçado. A bota tem revestimento interno de espuma e fecho de fivelas ou cadarços.

2 – Fitness

Ideal para passeio, possui base de alumínio, bota com cadarço e freio no calcanhar. É mais confortável que o recreativo e por isso pode ser usado por tempo prolongado.

3 – Slalom

Indicado para quem gosta de driblar cones, fazer curvas ou até dançar sobre os patins. Tem estrutura projetada para dar segurança ao patinador em movimentações laterais bruscas. O formato é quase igual ao do fitness, mas não tem freio no calcanhar e as bases são mais curtas.

4 – Radical

É ideal para manobras radicais em corrimões e pistas de skates. Não tem freio no calcanhar, tem duas ou quatro rodas em cada pé, estrutura mais larga e botas reforçadas para impactos.

5 – Velocidade

Perfeito para patinar rápido e em linha reta, possui bota de fibra de carbono e longa base de alumínio.

Informações importantes

Além dos modelos, na hora de fazer sua escolha fique de olho nas informações abaixo:

1 – Tipos de rodas

As mais macias (78A) são apropriadas para superfícies irregulares e melhores para absorver impactos. As mais duras (85A) são mais resistentes e proporcionam maior velocidade.

2 – Botas

As de material mais rígido são ideais para a prática de esportes radicais e as mais maleáveis são indicadas para passeios.

3 – Tamanhos

Os tamanhos dos patins são os mesmos que você costuma usar nos seus sapatos. Opte por numerações maiores caso utilize meias grossas.

4 – Equipamentos de segurança

Cuide da sua segurança e use sempre cotoveleira, munhequeira, joelheira e capacete, mesmo nos passeios.

Agora que você sabe todas as dicas de como escolher patins, não fique de fora dessa atividade divertida e cheia de adrenalina.