Categorias
Casa e Decoração

Como escolher e montar nichos de parede

O nicho é um tipo de prateleira em formato box (caixa em português) que fica linda na decoração de qualquer ambiente. Redondo, quadrado, com fundo espelhado, vazado, colorido ou em madeira, o fato é que o nicho é como se fosse um módulo independente (sem portas, claro) da estante. Por ser uma peça avulsa, pode ser fixada na parede e abrigar desde objetos decorativos até livros, CDs e DVDs. Veja mais dicas de nichos de parede.

Na sala, diferente das estantes, os nichos de parede são módulos soltos e que podem ser usados na decoração de todos os cômodos da casa. Na sala de estar, por exemplo, os nichos abrigam objetos decorativos, vasos, livros e o que mais você desejar que fique à mostra no ambiente. Você pode combinar a cor dos nichos com a decoração ou usar peças neutras de madeira, por exemplo.

Na cozinha os nichos fazem as vezes de armário de parede, prateleiras da despensa e deixam essa parte da casa com um ar muito mais descontraído e versátil, pois com eles a sua imaginação é quem manda. Na decoração dos quartos, os nichos de parede são indicados para abrigar objetos de decoração, livros e até roupas. Faça rolinhos com as camisetas de malha e aproveite o colorido das suas roupas para usar na decoração. Nos banheiros, os nichos podem abrigar rolos de papel higiênico e toalhas de banho e rosto enroladas ou dobradas. Fica bonito e moderno.


Fixando nichos de parede

Os nichos de parede costumam ser vendidos já montados, ficando a cargo do comprador a missão de instalar esses módulos na parede. Para começar, meça com uma régua (ou trena) a altura que deseja ter os nichos e faça marcações com caneta nos lugares onde vai fixar as buchas. Agora, coloque na furadeira a broca correspondente às buchas e faça furos nos lugares marcados. Instale nos furos as buchas e parafusos e pendure os nichos. Agora que você já sabe como instalar e usar nichos de parede, é só começar a decorar a casa.

Categorias
Auto e Ferramentas

Aprenda como fazer pintura texturizada

As texturas dão um tom diferenciado na parede onde são aplicadas e representam um toque de personalidade no ambiente. E a pintura texturizada nada mais é do que dar uma cor na textura que foi feita na parede. Também é possível encontrar no mercado a massa para textura já colorida, o que facilita mais ainda na hora de saber como fazer pintura texturizada e ter um resultado perfeito.

Pintura texturizada

A textura é um composto de base acrílica que tem consistência similar a uma massa corrida e sua aplicação necessita de apenas uma demão. Pode ser aplicada na cor branca, depois coberta com tinta acrílica na sua cor favorita e você terá uma parede nova em folha! A massa texturizada também pode ser encontrada em diversas cores, mas, se você quiser, poderá criar a cor na hora por meio da máquina que faz a mistura e resulta em uma massa de cor exclusiva e criada por você (o mesmo pode ser feito com a tinta acrílica).

Como fazer pintura texturizada

Para fazer a pintura texturizada, você vai precisar das seguintes ferramentas e materiais:

– Um pano dentro de um balde de água;

Fita crepe;

Desempenadeira lisa de metal 30 cm;

– Desempenadeira lisa de plástico 30 cm;

Espátulas de 10 cm e 15 cm;

Trincha média;

– Lixa de parede.

Antes de começar a aplicar

Existem alguns cuidados que você deve ter antes de começar a aplicação da textura na parede desejada. O primeiro deles é forrar o chão com jornal para evitar respingos e manchas no piso. Depois, é bom limpar a parede de toda sujeira (principalmente gordura).

Se achar necessário, você pode lixar a parede para garantir que a superfície vai ficar lisa. Por fim, use a fita crepe para proteger portas, janelas, interruptores, tomadas e tudo mais que estiver na parede e que não vai receber textura. Dica: se optar por lixar a parede, limpe toda a poeira resultante com um pano seco, pois a parede deve estar totalmente lisa e limpa.

Os macetes na hora de aplicar

Usando a desempenadeira metálica lisa aplique a textura sempre de cima para baixo e dos lados em direção ao meio (do mesmo jeito que a massa corrida). Procure não expandir muito na hora de aplicar: trabalhe com faixas de 3 a 5 m².

O macete na hora de dar o efeito na textura é que ela deve estar ainda fresca – caso seque, use um borrifador com água. Outro segredo é que a parede deve ser feita toda no mesmo dia para evitar emendas e defeito na textura.

Efeitos

O efeito na textura pode ser dado com rolo específico no desenho que você quer. Assim, com a massa ainda fresca você passa o rolo (de coraçõezinhos ou outro desenho qualquer) de cima para baixo.

Rústico – A textura rústica fica linda em ambientes com essa pegada e em tons de terra. Para conseguir esse efeito basta passar uma desempenadeira de plástico lisa em movimentos de cima para baixo. Assim, a areia que tem na massa da textura se desprende, dando esse efeito.

Listras – Um pente de dentes largos dá conta do recado e cria listras que deixam a parede com um toque muito elegante. Escolhendo tons metálicos e discretos, o efeito das listras fica potencializado e bem interessante.

Quadriculados – O mesmo pente que faz as listras passado de cima para baixo pode ser passado na horizontal para criar um efeito quadriculado.

Círculos – Com uma escova, desenhe círculos na textura para criar um efeito bem legal. Ondas, listras verticais e horizontais também são possíveis apenas passando a escova no sentido desejado. Esses são alguns truques de como fazer pintura texturizada. Aproveite e faça em sua casa.

Categorias
Auto e Ferramentas

Aprenda como lixar parede

Saber se uma parede está pronta para ser lixada é de suma importância para que se obtenha o resultado desejado e não tenha dores de cabeça depois. Você deve começar observando o estado geral da parede. Verifique se ela tem mofo, sujeiras, buracos, trincas ou se está esfarelando. Mas saber como lixar parede requer muito mais do que simples observações.

Preparos

Mesmo que a parede esteja em bom estado de conservação, existe uma maneira simples de preparar a parede para a pintura. Você deve lavar e secar a parede e depois usar uma lixa para ferro em toda a superfície.

Depois retire o excesso de pó com uma vassoura de pelo e um pano úmido. Toda parede antes de ser pintada precisa ser bem lixada para facilitar a melhor absorção da tinta e para não descascar depois. Tenha muita atenção nos pequenos detalhes antes de começar a lixar.

Como lixar parede usando uma lixadeira

Depois de lavada e completamente seca, chegou a hora de começar a lixar a parede. Pode parecer uma tarefa fácil, mas não é tão simples assim. Primeiramente coloque uma máscara de pintura com filtro e use roupa adequada antes do início dos trabalhos.

Outra dica importante é ter as ferramentas certas. Por isso, utilize a lixadeira com um disco para lixar de boa qualidade e comece a lixar a parede de cima para baixo para um melhor resultado. Faça movimentos circulares e comece a lixar sempre da parte superior esquerda da parede, indo até a parte inferior. Isso serve para você não ficar na dúvida se lixou determinada área ou não.

Se o ambiente tiver pouca iluminação, o ideal é que você faça o serviço com a ajuda de uma lâmpada que tenha boa claridade, para se certificar de possíveis imperfeições do trabalho. Se for uma superfície muito grande, um disco somente não dará conta do recado. Verifique o estado do disco e troque-o, caso seja necessário. Um disco novo vai lhe poupar tempo e esforço excessivo durante o serviço.  

Para verificar se a parede está totalmente nivelada, você pode usar um nível de mão quando tiver terminado de lixar. Não se esqueça de verificar o estado de sua máscara periodicamente, pois o pó proveniente da lixação é muito prejudicial à saúde se aspirado diretamente sem uma proteção eficaz.

Essas são as maneiras de como lixar parede, agora é só colocar a mão na massa.

Categorias
Auto e Ferramentas

Veja como fixar estante na parede

Nem tudo que precisamos fazer em casa necessita de contratar um profissional. Preencher um sábado fazendo pequenos consertos em casa é uma excelente terapia ocupacional, além de uma forma de economizar dinheiro. Aprenda como fixar estante na parede e faça você mesmo na sua casa.

Materiais necessários

Para fixar a estante na parede usando suportes você vai precisar de:

Furadeira
– Detector de metais
– Parafusos de madeira de 7,5cm
– Parafusos de 9 mm
– Buchas de parede
– Arruelas
– Suportes em “L”
– Escada

Como fixar estante na parede

Retire todos os livros e objetos da estante e limpe a peça muito bem. Depois, com a ajuda de um detector de metais, encontre as vigas da parede onde você quer fixar a estante. Recomendamos encontrar as vigas porque oferecem mais segurança do que parafusar a peça (que vai receber peso) na alvenaria ou gesso.

No centro da viga, trace uma linha vertical usando lápis e régua. Apoie a estante na parede deixando a linha que você traçou exatamente no meio da parte superior da peça. Coloque o suporte em “L” em cima dessa linha tracejada e faça os três primeiros furos na parte superior do suporte, ou seja, na viga.

Esse primeiro suporte vai ficar no meio da parte superior da estante, agora coloque outros dois, sendo um em cada extremidade, e também fure a parede e fixe os três suportes com os seus devidos parafusos.

Feito isso, passe a furar a estante para fixar os suportes. Antes de furar, risque com o lápis os nove furos que você vai fazer, ou seja, três em cada suporte. Fure a parte superior da estante e coloque os parafusos e arruelas que vão prender a estante aos suportes em “L” e consequentemente à parede. Depois da sua estante estar devidamente fixada à parede, convém fazer uma triagem nos livros e só colocar na peça os que realmente são utilizados, pois excesso de livros pode pesar demais na estante e assim comprometer a fixação da peça à parede.

Opte por deixar CDs, DVDs e objetos mais leves na sua estante de parede, guardando os livros mais pesados para colocar em um móvel que fique sobre o chão e tenha pés firmes. Agora que você aprendeu como fixar estante na parede, que tal dar uma cara nova àquela que você tem em casa?

Categorias
Dicas de Limpeza

Como tirar umidade da parede

Não importa em qual cômodo da casa, quando aparece aquela umidade na parede, é um transtorno. Surge o mofo, manchas, descascamento da pintura. Em geral, essa umidade é causada por paredes e pisos sem impermeabilização ou em contato direto com o solo. Mas dá para aprender a como tirar umidade da parede, não se desespere, tem jeito! Primeiramente, observe a mancha em sua parede. Se ela vier de cima para baixo, o problema pode estar no teto. Se for de baixo para cima, indica problemas no piso.

Quando a parede apresentar mofo, ela deve ser limpa e depois lavada com água sanitária. Se houve algum descascamento da tinta, remova toda a superfície afetada e de, pelo menos, 50 cm no entorno, até que o reboco fique aparente. Limpe e lave a base contaminada com água e sabão, para não sobrar resíduos. Tenha sempre o seu kit de ferramentas à mão, em caso de algum imprevisto ou necessidade de última hora, como desmontar tomadas.

E não se esqueça: assim que você retirar a mancha e/ou limpar o mofo, é preciso aplicar um impermeabilizante antes de repassar a tinta na parede. Sem ele, o problema vai retornar. Por isso, é importante identificar a origem da umidade para encontrar o produto correto para o seu caso.

Dicas para evitar a umidade

Depois de cuidar das paredes e dar aquele trato de impermeabilizante, atenção a algumas atitudes que podem ajudar a prevenir a umidade. A prevenção vai evitar que você gaste a mais e mantenha a casa sempre limpa e em ordem.

  • Procure abrir as janelas, por um período do dia, onde haja entrada de luz solar e circulação de ar no ambiente. O sol evita a formação de umidade e ainda tira o cheiro de mofo do local;
  • Evite encostar camas e armários ou colocar quadros em paredes que não recebam luz solar. Vivemos em um país tropical e naturalmente úmido. Logo, isso pode ajudar a formar mofo;
  • Se você gosta de banhos longos, previna o mofo no banheiro aplicando tintas antimofo que protegem muito mais que as tintas comuns.

Ficou por dentro sobre como tirar umidade da parede? Agora, mãos à obra.

Categorias
Auto e Ferramentas

Como colocar quadros na parede

Quando a gente precisa colocar um quadro na parede, não basta só martelar e pregar. Para o trabalho ficar bem feito, fique de olho em algumas dicas para saber usar as ferramentas certas, com suas diferenças para cada tipo de necessidade. Quadros mais pesados pedem itens diferentes dos quadros leves, por exemplo. Paredes de alvenaria são diferentes de paredes de gesso e drywall.

Acompanhe nossas recomendações sobre como colocar quadros na parede e tenha à mão as seguintes ferramentas: martelo, alicate, furadeira elétrica e um nível para checar o alinhamento. Vamos lá?

Como colocar quadros na parede com prego

A primeira coisa que você precisa saber é: quanto pesa o quadro que você quer pendurar? Pregos são ótimos para quadros mais leves. Para a maioria dos casos, um único prego é suficiente. Pregos de aço ou de número 6 costumam atender bem todos os casos. Você pode colar uma fita crepe no local onde o furo será feito, o que ajudará para a parede não rachar nem estufar. Também vale segurar o prego com um alicate para não martelar sua mão.

Para uma maior garantia de que a parede fique sem rachaduras, o prego não entorte e você não martele o dedo, vale a pena buscar por produtos que auxiliam na tarefa de bater o prego, que dão firmeza a ele para correta fixação, sendo bem práticos e seguros. Geralmente esse produto já acompanha um kit com pregos e ganchos para suporte do quadro.

Para paredes de gesso e drywall

Paredes de gesso racham facilmente com pregos. Buchas e parafusos são a melhor opção e você encontra buchas de plástico, fibra, madeira e metal. As de plástico funcionam bem para a maioria dos casos.

Paredes de drywall precisam de buchas específicas conhecidas como buchas para ocos, que se abrem como guarda-chuvas no interior da parede. Para quadros de peso leve e médio, a bucha será a POC.

Para posicionar a bucha, é essencial o uso de uma furadeira elétrica para fazer o furo na parede. O tamanho do buraco deve ser do tamanho da broca. Martele a bucha na parede sem dobrá-la ou rasgá-la e depois posicione o parafuso na bucha. Uma chave de fenda pode ajudar a fixá-lo. Deixe uma pequena parte dele para fora, que você usará para pendurar o quadro.

Alinhamento é muito importante

Após pendurar seu quadro, use um nível para checar o alinhamento e fazer os ajustes. É possível encontrar níveis a laser que projetam uma linha horizontal na parede e servem como guia para um ajuste fino e perfeito.

Não fure, cole

Se você mora em um imóvel alugado, não deseja furar a parede ou quer mais praticidade para essa tarefa, experimente as fitas adesivas, que são fixadas na parte de trás do quadro e permite que você resolva com elegância a questão sobre como colocar quadros na parede. São muitas as opções disponíveis, com diferentes possibilidades que variam de acordo com o peso do quadro.