Categorias
Infantil

Vantagens da almofada de amamentação

Existem muitos itens que podem ajudar as mamães com a alimentação de seus bebês recém-nascidos. Alguns deles são bem conhecidos e amplamente utilizados, como a bomba tira leite. No entanto, poucas mães conhecem os benefícios da almofada de amamentação.

Esse é um daqueles acessórios que após experimentar torna-se essencial. A princípio, é projetado para fornecer conforto ao amamentar o bebê, mas a almofada de amamentação é muito versátil, podendo ser utilizada tanto pela mãe e pelo pai como pelo bebê, proporcionando inúmeros benefícios a todos. Conheça alguns deles a seguir.

Ao amamentar

Seu uso mais comum e conhecido é poder amamentar o bebê confortavelmente, fazendo com que ele fique em uma posição melhor, evitando posturas desconfortáveis e esforços para a mãe. Além disso, a posição do bebê é essencial para obter uma pega adequada.

Durante a gravidez

Qual grávida não tem dores? Em um determinado momento, dormir torna-se uma missão quase impossível. É aqui que as almofadas de amamentação podem ser úteis. Ao deitar de lado, basta colocá-las sob a barriga e entre as pernas para manter uma posição confortável. 

Benefícios para o bebê

Quando o bebê começar a engatinhar, você poderá deixá-lo de bruços na almofada. Desta forma, ele fortalece os músculos e pescoço. Assim que ele começar a se sentar, a almofada o ajudará a se apoiar ou a deixá-lo deitado de costas sem se mover.

Benefícios para o papai

A almofada é ideal para dar mamadeira. Apoiando o bebê na almofada, é possível conseguir uma posição muito mais confortável para ele e para a pessoa que lhe dá a mamadeira. Portanto, o pai também pode usar.

Existem dois tipos de almofada: em forma de U, que envolve todo o seu corpo, e outra opção mais longa, como se fosse uma cobra. Veja qual mais se adapta às suas necessidades e passe no site do Carrefour para garantir a sua.

Categorias
Beleza e Saúde

Veja como uma bombinha de tirar leite pode facilitar a sua vida

A bombinha de tirar leite é um aparelho usado por mães que estão amamentando. O aparelho permite que elas façam a ordenha retirando o leite do peito para o bebê poder tomá-lo na mamadeira ou no copinho. 

A bomba é uma ótima alternativa para que a criança continue bebendo o leite materno, principalmente nas situações em que a mãe não está presente, como no término da licença-maternidade ou no caso do nascimento de prematuro, que geralmente não pode mamar no peito nos primeiros dias após nascer. 

A seguir, listamos outras situações em que uma bombinha de tirar leite pode ajudar bastante. Confira:

Ela é boa para esvaziar a mama

Às vezes a mama fica tão cheia de leite que o bebê não consegue nem pegar o peito para começar a mamar. Nessas situações a bombinha de tirar leite é bastante útil porque ela esvazia o peito para que o bebê possa mamar logo em seguida. Além disso, a mama muito cheia pode ficar bastante dolorida e nesse caso o aparelho também ajuda bastante. 

Estimular a produção de leite

Algumas mulheres podem produzir um pouco menos de leite do que outras e a bombinha ajuda muito a estimular essa produção. 

Facilitar e agilizar a ordenha

É possível fazer a ordenha manualmente, mas esse processo com certeza vai demorar bastante. A bomba puxa uma quantidade muito maior de leite, assim o processo ficará mais rápido e mais prático também. 

Permitir a doação do leite materno

Existem alguns bancos de leite materno no Brasil para que as mulheres que têm bastante leite possam fazer a doação aos bebês prematuros. Os internados em centros de tratamento intensivo neonatal também são beneficiados. Os bancos de leite ficam nas maternidades, e em algumas cidades é feita uma parceria com o Corpo de Bombeiros para que ele seja recolhido na casa da doadora.

A doação é importante porque esse leite traz muitos benefícios aos bebês, entre eles a diminuição do risco de infecções e o aumento da imunidade, além de auxiliar no sistema digestivo da criança.

Conhecendo um pouco melhor os tipos de bombinhas

Basicamente existem hoje no mercado, 2 tipos de bombinhas: as manuais e as elétricas. A primeira diferença é quanto ao processo de funcionamento. Uma você opera manualmente apertando uma bomba de sucção e a outa você conta com a ajuda de um motor elétrico que varia a intensidade e ritmo do movimento. Essa variação é uma das vantagens do modelo elétrico.

Explicando: como você não vai depender do movimento de suas mãos, o ritmo tende a ser mais suave e a sucção é feita de maneira mais precisa. Assim, geralmente você tira mais leite do que com a bomba manual. Sendo assim, ela é mais indicada para mamães que sofrem um pouquinho com mamas muito cheias e, de quebra, ainda querem doar o excedente das mamadas dos pequenos para o banco de leite de sua região. E, de quebra, vale lembrar, ela tem um toque mais sensível do que o modelo manual. 

Mas não pense que esse modelo manual também não é bom. Seu preço geralmente é bem mais baixo. Além disso, ela tem uma vida útil bem maior e é bem fácil de transportar na bolsa. Em compensação a retirada de leite é um pouco “mais forte”, o que pode incomodar mamães mais sensíveis. 

A bombinha de tirar leite realmente é uma ótima aliada das mães em diversas situações. Se você está amamentando, tenha uma para facilitar o seu dia a dia.