Categorias
Tecnologia e Eletrônicos

Como escolher um repetidor de sinal Wi-Fi?

Veja algumas dicas para ter um bom sinal de internet em todos os cômodos da casa.

Na sua casa tem algum cômodo onde o sinal Wi-Fi não chega com qualidade? Isso pode acontecer por diversos fatores. Interferência de outros eletrônicos, objetos metálicos, paredes grossas ou obstáculos físicos em geral. Nesses casos, a solução ideal é comprar um repetidor de sinal Wi-Fi.

Mas como escolher um bom repetidor, entre tantos modelos diferentes no mercado? Para te ajudar nessa missão, separamos alguns pontos importantes que devem ser levados em conta na hora de comprar o seu. Confira!

Compatibilidade – É fundamental que o repetidor seja compatível com o seu roteador, independente da marca. Por isso, a recomendação é escolher um modelo com compatibilidade universal. 

Redes – Para que um repetidor de sinal Wi-Fi seja realmente bom, é ideal que ele opere em ambas as redes: 2.4Ghz (300mbps) e 5Ghz (867mbps). Mas se for para escolher uma só, opte por aqueles com rede de 5Ghz – pois assim você poderá executar tarefas mais “pesadas” como jogar online ou ver streaming em HD.

Antenas – Repetidores podem ter antenas internas ou externas. Prefira os modelos com antenas externas, pois elas tendem a ter um sinal de melhor qualidade e um alcance maior. Além disso, por serem móveis, possibilitam mudar a direção do sinal, o que pode ajudar bastante em alguns casos. 

Luzes – Verifique se o modelo escolhido possui luzes indicadoras de sinal. Elas são bem úteis porque demonstram como está a força do sinal. Assim, você saberá qual é o melhor local do ambiente para posicionar o seu repetidor de sinal Wi-Fi.

Agora que você já sabe como escolher um bom repetidor, dê uma passadinha no site do Carrefour. Lá você encontra tudo para informática, sempre pelos melhores preços. 

Categorias
Casa e Decoração Tecnologia e Eletrônicos

Tecnologia: conheça os eletrodomésticos inteligentes

Além de simplificar as tarefas diárias, os aparelhos smart prometem muita economia para o seu bolso. Confira!

Os eletrodomésticos sempre facilitaram muito a nossa vida. Mas a novidade é que agora eles estão ainda mais modernos e inteligentes. Além da praticidade, os novos aparelhos podem ajudar a economizar até mesmo na conta de energia elétrica. Ficou curioso? Conheça aqui alguns desses produtos incríveis e seus principais benefícios!

Geladeira inteligente

Uma geladeira smart te permite fazer alterações de refrigeração e acionar funções especiais direto do seu smartphone. Você ainda recebe alertas, como aviso de porta aberta, aumento de temperatura ambiente ou necessidade de manutenção. Em alguns modelos, você também tem acesso a receitas com os ingredientes que estão na geladeira e pode até mesmo controlar a validade de alimentos remotamente. Muito bom, hein?

Fogão inteligente

Já pensou poder programar seu forno para que a comida esteja pronta assim que você chegar em casa? Com os fogões smart é possível. Os consumidores conseguem realizar programações de tempo e modo de cocção, verificar o andamento do prato e ainda receber notificações de quando o alimento está pronto. Tudo isso pela internet, através de seu dispositivo móvel. 

Aspirador de pó robô

Que tal realizar outras tarefas enquanto o aspirador limpa a casa sozinho? Com o aspirador de pó robô é assim! E tem mais: eles podem sugar detritos e poeira até mesmo embaixo de móveis, já que contam com design compacto, capaz de passar por cadeiras, mesas, sofás e camas. Nesse caso, os comandos são feitos através de um controle remoto – que vem junto com o aspirador de pó. 

Máquina de lavar inteligente

Além de conectividade e possibilidade de operação à distância, as máquinas de lavar inteligentes podem te ajudar a economizar água e energia elétrica. É que alguns modelos possuem sensor para detectar o peso das roupas e calcular a necessidade de água nas lavagens. Além disso, eles podem detectar o tipo de tecido das roupas colocadas no tambor, para sugerir programas específicos de lavagem. Isso sim é tecnologia, hein?

Categorias
Tecnologia e Eletrônicos

5 dicas para economizar internet no celular

Aprenda a reduzir o consumo de dados móveis quando você estiver longe de uma rede Wi-Fi.

Seus dados móveis acabam antes do fim do mês? Pois saiba que existem algumas dicas que podem te ajudar a economizar internet móvel. Veja abaixo alguns ajustes que podem ser feitos para poupar o seu plano de dados no celular

1 – Economia de Dados

É possível limitar o uso de dados. Basta acessar as configurações do seu celular e selecionar a opção Economia de Dados. O conteúdo de alguns aplicativos será carregado de forma mais lenta e não será possível assistir a vídeos, porém é uma ótima forma para economizar seu 3G ou 4G.

2 – Dados em segundo plano

Você sabia que as notificações dos aplicativos gastam internet? Por isso, se estiver fora de casa é uma boa ideia limitá-los. Para isso, é só desabilitar a função Permitir dados em segundo plano dentro das configurações do seu aparelho. 

3 – Downloads

Procure fazer download só se estiver conectado à rede Wi-Fi. Não gaste seu 3G ou 4G para baixar nenhum aplicativo novo ou conteúdo, já que isso gasta muito mais os seus dados. Uma boa sugestão é baixar vídeos, músicas e mapas quando estiver em casa – assim você poderá aproveitar o conteúdo em modo offline. 

4 – Whatsapp

Normalmente a opção de download automático está sempre ativa no Whatsapp. Isto quer dizer que todas as imagens, áudios e vídeos enviados a você, serão baixados automaticamente no seu celular. Para evitar gastos excessivos, desligue essa opção nas configurações do aplicativo. 

5 – Aplicativos úteis

Alguns apps permitem saber quantos dados você já gastou e ainda criar notificações para avisar quando sua franquia está para ser renovada. Algumas opções são o My Data Manager (disponível para Android e iOS), 3G Watchdog (apenas para Android) ou o DataFlow (só para iOS).

Aproveite que agora você já sabe como economizar internet no celular e conheça o Nutri Escolha. A nova função do app Meu Carrefour para você gastar menos e comer ainda melhor. 

Categorias
Tecnologia e Eletrônicos

Como transformar sua televisão em uma Smart TV?

Alguns aparelhos são capazes de transformar TVs comuns em smart. Veja aqui algumas das melhores opções disponíveis no mercado. 

A grande diferença entre uma Smart TV e uma TV normal é o acesso à internet. Através de aplicativos instalados na televisão, você pode assistir a filmes e séries nas plataformas de streaming, além de vídeos no Youtube e, até mesmo, acessar suas redes sociais. 

Mas se você não quer investir em uma Smart TV agora, saiba que existem opções no mercado para transformar TVs comuns em smart. São aparelhos dos mais variados tipos, tamanhos e preços. Confira!

Chromecast

O pequeno aparelho desenvolvido pelo Google tem um design bem simples e funciona acoplado a uma porta HDMI da TV. Ele não possui controle remoto, tudo é feito pelo aplicativo instalado no smartphone. Inclusive, é possível espelhar o conteúdo do celular na sua TV.

Fire TV Stick

O aparelho da Amazon possui conexão HDMI e também micro USB. Com ele, você terá acesso aos aplicativos da Amazon como Prime Video e Prime Music, mas também às outras plataformas de streaming como Netflix e Disney +. A principal diferença em relação ao Chromecast é que você conta com um controle remoto próprio, não sendo necessário utilizar outros dispositivos.

TV Box

Outra possibilidade são as famosas caixinhas conhecidas por TV Box. Elas são conectadas à TV via cabo e possuem sistema operacional próprio. Por conta disso, os aparelhos trazem menu inicial, jogos e outras funções. 

Os preços variam bastante. Você encontra modelos mais baratos como Xiaomi Mi Box e Roku Express, que funcionam com o sistema operacional Android, até modelos mais caros como a Apple TV

Agora é só escolher o aparelho que atende melhor suas necessidades e apertar o play. O filme já vai começar!

Categorias
Tecnologia e Eletrônicos

Como comprar pela Internet com segurança

Comprar em lojas virtuais é prático, rápido e já faz parte da realidade de milhares de brasileiros. Porém, alguns cuidados são fundamentais. Confira!

Desconfie de preços muito baixos

Apesar dos descontos oferecidos serem grandes, é preciso ficar atento para não cair em golpes. Se determinada loja oferece um produto por um preço muito abaixo dos concorrentes, é preciso desconfiar e procurar sobre sua reputação na internet. 

Uma das possibilidades é realizar uma consulta em sites como o Reclame Aqui, em que é possível filtrar as reclamações dos consumidores por empresa e checar a resposta dela. Procure informações cadastrais como CNPJ, razão social e telefone fixo para contato.

Verifique se o site é seguro

Para as compras online, uma das formas de checar se as informações do site são seguras é conferir os ícones que aparecem no próprio navegador. Um dos indicativos é quando a URL do site começa com “https” – em que S vem de ‘segurança’.

Outra opção é consultar a lista do Procon-SP de lojas virtuais suspeitas. Desde 2011, ela conta com a URL das páginas não recomendadas, empresa ou pessoa física responsável, CNPJ e a situação do site. 

Cuidado com boletos fakes

Sites maliciosos costumam enviar boletos para seu e-mail, mesmo que você não tenha comprado nada. A intenção deles é confundir os clientes que estão fazendo compras e pagando vários boletos no mesmo dia. Por isso, verifique sempre os boletos, os emissores e valores para não cair neste tipo de golpe.

Uma boa dica é optar pelo pagamento via cartão de crédito. Assim, caso você tenha problemas com a compra, é mais fácil suspender o pagamento e cancelar a compra.

Não use WiFi público para comprar

Devido a sua vulnerabilidade, não é recomendável usar redes de WiFi público para fazer compras ou acessar dados bancários. Você pode realizar pesquisas nas lojas, mas na hora da compra use sempre a internet particular do seu smartphone ou computador.

Categorias
Tecnologia e Eletrônicos

Como conectar wi-fi no PC?

Cada vez mais a internet é indispensável no nosso dia-a-dia e para não deixar você desconectado trouxemos algumas dicas. O Wifi é hoje a tecnologia mais popular para conexão a internet tanto em casa quanto em espaços públicos, para que você entenda como conectar Wi-Fi no PC confira nosso guia.

Como funciona?

O Wi-Fi é uma tecnologia de transmissão de dados sem fio que usa ondas eletromagnéticas para transmitir informações a partir de um roteador ligado a internet. Para recepção do sinal de Wi-Fi é necessário que o PC em questão tenha conexão com redes sem fio para que então possa se conectar a internet.

Notebook ou Desktop

Hoje cada vez mais comum as pessoas possuírem computadores portáteis, pois dá mais mobilidade a nossa rotina atribulada e permite que fiquemos conectados onde quer que estejamos. A grande questão é que os notebooks já vêm preparados para acessar redes Wi-Fi enquanto desktops, os computadores de mesa, embora possam utilizar essa tecnologia geralmente não vem pronto para isso.

Os PCs de mesa, em geral, não vêm preparados para acessar Wi-Fi pois tradicionalmente são conectados a internet via cabo conectado diretamente com o roteador, uma conexão geralmente mais rápida e segura que o Wi-Fi. Para utilizar o Wi-Fi em uma máquina de mesa é necessário adquirir uma antena de WiFi para o computador, elas são muito fáceis de instalar.

Conectando

Conecte o seu roteador a rede de internet da operadora, algo que geralmente quem faz é a própria operadora de internet, e mantenha o seu roteador conectado na tomada sempre.  Quando for instalada sua rede de internet a rede ganhará um nome e uma senha para acesso, a senha é necessária para que pessoas de casas próximas não acessem sua rede e seu computador.

Nos sistemas Windows, para saber como conectar Wi-Fi no PC é simples. Basta você acessar o ícone de Rede do lado esquerdo do relógio, na parte direita inferior da tela. Ali, quando clicar no ícone irá aparecer a lista de redes WiFi disponíveis na sua região, provavelmente entre elas estará a sua. Clique na sua rede, insira a senha de acesso e espere o computador de conectar a rede automaticamente.