Categorias
Auto e Ferramentas

7 dicas simples para você economizar combustível

Não tem segredo. A receita para economizar combustível é a combinação de três atitudes: dirigir de maneira correta, manutenção em dia e tomar cuidado ao escolher o combustível.

O valor cobrado pelos combustíveis no Brasil anda bem salgado para os motoristas. Por isso, é fundamental encontrar formas de economizar no combustível. Veja aqui algumas dicas simples que farão você gastar um pouco menos na hora de abastecer o carro.

1- Manutenção

Além de ser importante para a sua segurança, realizar a manutenção preventiva do veículo garante mais economia para você. Peças quebradas ou defeituosas tendem a aumentar o consumo de combustível, pois fazem o motor e outras partes do carro funcionarem com mais dificuldade. 

2 – Ar-condicionado

Sabemos que quando faz calor é impossível deixar o ar-condicionado desligado, porém dá para usá-lo de forma mais inteligente –  ligando apenas quando for realmente necessário e por períodos mais curtos. Afinal, o ar-condicionado é um dos maiores vilões quando o assunto é economia de combustível.

3 – Pneus em dia

Quando os pneus estão descalibrados, existe um atrito maior com a via e o consumo de combustível pode aumentar em até 3%. E acredite, com o passar do tempo, isso fará uma grande diferença no seu bolso. O ideal é calibrar os pneus do carro a cada 15 dias, pelo menos.

4 – Qualidade do combustível

É muito importante ficar atento à qualidade do combustível que você usa. Existem postos que vendem a famosa gasolina “batizada”. Por isso, é importante abastecer em locais confiáveis. E nos Postos Carrefour, você conta com o Selo ProTeste, que garante a qualidade do combustível e a quantidade que sai da bomba. Muito bom, hein?  Clique aqui e encontre o Posto Carrefour mais próximo de você.

5 – Ponto morto

Esse é um costume antigo dos motoristas para tentar economizar combustível. Porém, de nada adianta. Se quiser economizar combustível, basta manter o carro engatado na marcha mais alta possível e não usar o acelerador.

6 – Menos peso

Quanto mais peso o carro transporta, maior será o esforço para ele se locomover. E isso impacta diretamente no consumo de combustível. Então, carregue apenas o que for realmente necessário. Nada de malas e objetos muito pesados. Na dúvida, consulte o manual do veículo e se informe do peso máximo suportado. 

7 – Acelere menos 

Pé fundo no acelerador para arrancar com o carro é uma prática que só aumenta o desgaste de diversos componentes, além de desperdiçar bastante combustível. Por isso, acelere suavemente e passe as marchas no momento correto. Se ficar na dúvida, basta conferir no manual qual é a rotação de torque máximo. 

Categorias
Auto e Ferramentas

5 dicas para abastecer o carro com segurança e economia

Na hora de abastecer o carro, é sempre importante seguir alguns conselhos para cuidar do funcionamento saudável do seu veículo e também fugir de algumas ciladas, como gasolina adulterada e bombas que não funcionam de maneira correta. Confira 5 dicas para abastecer o seu automóvel com segurança e economia.

Abasteça em um posto de confiança

A dica pode parecer óbvia, mas faz toda a diferença escolher por um posto com combustível certificado, todos os testes realizados em dia, com selo do Inmetro nas bombas e lacres para evitar a instalação de dispositivos que podem adulterar o combustível e a quantidade injetada no seu tanque. Os Postos Carrefour contam com todas essas certificações em suas unidades e um combustível com a qualidade que você precisa. Com a garantia de que o posto tem todas essas características, você sempre estará com gasolina de confiança dentro de seu automóvel.

Compare preços

Comparar os preços entre os postos é essencial para fazer a melhor economia ao colocar combustível. Tomando os cuidados da primeira dica em todos os postos pesquisados, você terá vários postos de confiança com economia no bolso. Vale também consultar aplicativos como o Waze e o Preço dos Combustíveis, que informam sobre os valores nos postos mais próximos.

Não deixe o veículo entrar na reserva

Muita gente tem o costume de deixar todo o combustível ser consumido para depois abastecer novamente o carro. Mas é necessário muito cuidado, pois um congestionamento pode acontecer e uma eventual pane seca, que pode gerar multa e a remoção de seu carro da via. Outro risco é o de forçar que a bomba de combustível aqueça de forma excessiva e eventualmente se queime.

Saiba apostar na gasolina aditivada

Apesar de não ser tão diferente da gasolina comum, a composição aditivada é uma boa pedida para limpar o motor internamente e também para proteger possíveis atritos. Seus aditivos e detergentes evitam que as peças móveis do propulsor se danifiquem de forma mais rápida.

Estacione rápido

Já pensou que ficar dando voltas e voltas por um estacionamento, entre breves aceleradas e freadas, gasta seus pneus e o seu combustível? Por isso, procure a melhor logística para o seu automóvel e, mesmo se parar em uma vaga longe, pense que está fazendo uma breve caminhada, que fará bem para o corpo.

Seguindo todas essas dicas, além de se certificar que vai gastar menos na hora de abastecer o carro, você foge de gasolina adulterada, cuidando da saúde do veículo. Aproveite e boa economia.

Categorias
Auto e Ferramentas

Gasolina ou etanol: qual é a melhor opção para o seu carro?

É fato: quando se tem um carro, um dos gastos mais recorrentes com certeza é o combustível. Sempre vai um pouquinho por semana e quando se vê, o tanque está na reserva. E, na busca pelo posto de gasolina com um bom valor, sempre surge aquela dúvida: gasolina ou etanol: qual é a melhor opção? É importante lembrar que o rodízio de pneus é essencial para a economia de combustível.

Prós e contras da gasolina

Há muitos prós e contras quando o assunto é a gasolina. O primeiro ponto positivo com certeza é a qualidade do arranque e desenvolvimento do carro, que é superior a qualquer outro tipo de combustível. Logo atrás vem o rendimento, também acima da média. E não para por aí: a gasolina aditivada traz aditivos que “tratam” o motor, corroendo-o muito menos. É um grande benefício a longo prazo.

Vale ressaltar que o valor geralmente é maior que o álcool e esse combustível não faz tão bem ao ambiente, vindo de uma fonte esgotável, poluindo o ar com a emissão de gás carbônico.

Prós e contras do etanol

Por possuir como matéria-prima a cana de açúcar, uma fonte renovável, o etanol é amigo do ambiente. Outro ponto a se considerar é que da sua produção também saem substratos como o bagaço e a palha, que produzem vapor e geram energia mecânica, térmica e elétrica. Já quando o assunto é o motor, é importante ressaltar que o etanol proporciona uma potência maior ao veículo.

Quanto ao rendimento, ele faz 30% menos quilômetros por tanque do que a gasolina. Além disso, pode perder a capacidade de combustão quando a temperatura está abaixo dos 13 ºC.

Resultado final

Para saber qual combustível combina mais com o seu estilo de vida, é necessário ter um olhar apurado sobre os pontos acima. Também é importante ressaltar que além desses pontos, tem um que deve ser observado: a qualidade do posto de gasolina. A rede de postos Carrefour não só treinou seus funcionários para a checagem do combustível que chega, como também adquiriu a posse de 2 laboratórios móveis, que visitam suas unidades, verificando a garantia e procedência dos combustíveis, sendo eles diesel, gasolina ou etanol.

Categorias
Auto e Ferramentas

O que é GNV? Dicas de segurança

Hoje o GNV não é algo tão desconhecido. Não, não é uma nova marca de pneus, sua sigla significa Gás Natural Veicular, ou seja, é o gás que abastece os carros a gás. Por ser mais econômico, muitas pessoas adotaram esse novo combustível. Saiba hoje um pouco mais sobre o que é GNV e confira algumas dicas de segurança para quem utiliza ou pensa em utilizar esse combustível.

O que é GNV?

Como já foi falado, GNV é o gás natural utilizado em carros. Por ser mais econômico que os outros combustíveis, muitas pessoas compraram o kit GNV e colocaram em seus carros. Hoje já temos carros que vêm com essa opção de combustível direto de fábrica.

Dicas de segurança

Já sabemos o que é o GNV, então vamos a algumas dicas de segurança que devemos ter com esse gás.

Conversão

Se você vai fazer a conversão do seu carro de outro combustível para o gás sempre faça com um técnico autorizado. Exija sempre peças novas e tubos de aço. Outro detalhe importante é fazer a revisão do kit para que tudo esteja funcionando corretamente.

Abastecimento

Sempre que for abastecer o carro saia de dentro do veículo. Outros cuidados importantes são:

– Desligar motor, rádio e celular;

– Apagar os faróis;

– Não acender cigarro;

– Frear o veículo.

Cilindros

Os cilindros devem ser específicos para o GNV por serem fabricados em aço e serem resistentes à pressão que o gás exerce dentro do cilindro. Outro detalhe importante é não permitir que os cilindros tenham soldas, pois é nessas soldas que a resistência à pressão pode ser menor e o gás vir a vazar.

Outros cuidados

– Procure oficinas homologadas pelo Inmetro para a revisão e instalação do cilindro e demais peças que compõem o kit do GNV;

– Nunca tente consertar os defeitos que aparecem do kit, procure uma oficina especializada;

– Não dirija se notar qualquer vazamento de gás;

– Não mexa na regulagem do carro. Deixe essa questão para o técnico especializado. Lembre-se de que o GNV é um gás inflamável.

Apesar de ser menos inflamável que os combustíveis líquidos, ele não deixa de, por eventuais descuidos, inflamar e causar alguma explosão.

Categorias
Auto e Ferramentas

Qual é mais econômico: carro ou moto?

Quem está pensando em adquirir um meio de transporte para ajudar na correria do dia a dia pode estar se perguntando: qual realmente vai suprir as minhas necessidades, carro ou moto? Saiba que essa é uma dúvida comum e vamos facilitar a sua vida elencando as vantagens e desvantagens de cada um. Vamos lá?

Vantagens e desvantagens da moto

Se você está pensando em comprar uma moto, provavelmente está cogitando o custo-benefício do seu novo meio de transporte. Além de o seu preço ser mais acessível do que o de um carro geralmente, a moto consome menos gasolina e a sua manutenção é geralmente é mais em conta.

Além disso, considerando o trânsito caótico das grandes cidades, nada como ter um veículo leve e fácil de estacionar, não é mesmo? Mas uma grande desvantagem da moto também está no trânsito urbano: o risco de acidentes. Por isso, se o trânsito da sua cidade é um problema, pense bem antes de adquirir uma moto e jamais deixe de usar capacetes e todos os outros equipamentos de segurança exigidos por lei.

Caso você more em uma cidade com um trânsito mais tranquilo, uma moto pode ser uma excelente opção. Porém o conforto é incomparável ao de um carro, especialmente se o clima da sua cidade é instável. Já pensou que chateação chegar ao trabalho após se molhar na chuva?

Vantagens e desvantagens do carro

Quando você opta pelo carro deve saber que terá mais conforto e recursos, como som ambiente e ar-condicionado. Mas vale a pena também ficar de olho nas características especiais desse tipo de locomoção. Você vai investir, em média, mais do que uma moto para comprar o seu carro, além de contar com manutenções periódicas, como a troca de 4 pneus, no lugar de dois? Apesar disso, o carro ainda é muito mais seguro e confortável do que a moto e essa é a sua grande vantagem. Além disso, a maioria comporta até 5 pessoas, então é mais fácil de dar carona e de levar a família para passear.

Afinal, qual é o melhor para você?

Depende da finalidade! Para quem faz trajetos curtos que tenham muito trânsito, a moto vai ser mais vantajosa, pela possibilidade de trafegar no corredor entre os carros. Já para quem curte viagens mais longas e, claro, tem a família maior, o carro ganha pontos.

Por isso, analise bem as suas necessidades antes de fazer a sua escolha.

Categorias
Auto e Ferramentas

Gasolina ou GNV: qual é melhor para o motor?

Você sabe qual combustível, gasolina ou GNV, é melhor para o motor do seu carro? Na hora de comprarmos um carro, analisamos vários itens, como o motor, pintura e mecânica, se o carro for usado, custo-benefício, modelo, entre outros. Mas o que muita gente esquece de pensar é no combustível, principalmente se ele faz bem para o motor ou não. Por isso, vamos ver as vantagens e desvantagens entre gasolina e GNV e analisar qual é melhor para o funcionamento do motor do carro. Afinal, auto e ferramentas devem ser escolhidos bem, para que no futuro não gastemos mais do que o previsto.

Gasolina

Esse combustível é um dos mais comuns entre os carros vendidos no Brasil. Sendo assim, vamos às vantagens e desvantagens de seu uso. Vantagens A utilização de gasolina com aditivos ajuda a limpar e manter limpos os sistemas de injeção. Dessa forma, o desgaste das peças é menor e o motor fica protegido; Encontramos gasolina em qualquer posto de combustível. Desvantagens Ela é ineficiente, ou seja, não dá para usar toda a sua energia e transformá-la em força eletromotriz para o veículo; A principal desvantagem desse combustível é o preço, pois é mais elevado em relação aos outros; Polui o ar com emissões de CO2.

GNV

Seu uso é mais recente em relação à gasolina. Por ter um preço mais baixo e rodar muito mais quilômetros que sua concorrente, muitas pessoas passaram a comprar carros movidos a GNV ou adaptaram seus carros para esse novo combustível. Mas vamos ver quais as vantagens e desvantagens de seu uso. Vantagens O óleo do motor suja menos e dura mais por não haver contaminação pelo combustível; Não há acúmulo de sujeira nos bicos injetores; Não há criação de ferrugem em peças de metal; Desvantagens O motor trabalha com mais pressão interna no cabeçote, o que diminui a vida útil dessa peça; Velas e cabos de velas duram menos, pois a parte elétrica é mais exigida; O gás não permite a lubrificação correta das válvulas do motor e pode travá-las.

Gasolina ou GNV?

Levando em conta a questão do motor, a gasolina parece ser melhor quando o assunto é lubrificação das peças dele. Isso porque, enquanto ela está percorrendo seu caminho dentro do motor, a lubrificação acontece, melhor ainda se ela for aditivada. Mas, em questão de deixar resíduos, o GNV é melhor. Por ser um combustível seco, ele não deixa resíduos nem enferruja certas partes de metal. Agora vai de você escolher o que é o melhor para você, se a gasolina ou GNV. Analisar todas as possibilidades é muito importante na hora da compra, por isso não deixe de verificar também essa questão do combustível.

Categorias
Auto e Ferramentas

Como calcular combustível por quilômetro?

Ter um carro para viajar ou mesmo para ir ao trabalho é uma ótima opção. Porém, é importante saber quanto de combustível seu carro gasta para que veja se não está na hora de trocá-lo por um mais econômico. Mas se você não sabe como fazer esse cálculo, não se preocupe. Confira como calcular combustível por km e saber se o seu carro é econômico.

Como calcular combustível por quilômetro

Não é preciso saber muito de matemática para saber quanto seu carro gasta por quilômetro. O que você vai fazer é seguir os seguintes passos:

– Deixe o combustível chegar quase na reserva, aí vá abastecer;
– Encha o tanque, e antes mesmo de sair do posto anote a quilometragem que se encontra no painel e a quantidade de litros que encheu o tanque;
– Agora gaste o combustível até quase chegar na reserva novamente;
– Confira qual é a nova quilometragem que aparece no painel.

Vamos aos cálculos!

Digamos que a primeira quilometragem era de 12.500km e você encheu o tanque com 40 litros de combustível. Agora suponha que a segunda quilometragem anotada foi de 12.980km. Com esses dados já é possível fazer o cálculo:

(12.980 – 12.500)/40 = 12km/l 

Dessa forma, temos que esse carro fictício faz 12km por litro de combustível.

Saiba se o seu carro é econômico

No geral, um carro econômico faz 12km/l e carros que não são econômicos fazem 9km/l, mas isso depende de alguns fatores:

Pneus – Se o pneu for mais largo ou mais pesado, consequentemente o carro vai gastar mais combustível.

Potência – Carros 1.0 tendem a gastar menos combustível do que carros 2.0. Então não se preocupe se o seu carro de 2.0 faz 10km/l, dependendo do modelo e da marca ele pode ser econômico.

Dirigir na cidade – Dirigir na cidade tende a gastar mais combustível. Isso porque sempre estamos acelerando e depois freando e, nessa rotina, uma parte do combustível usado na aceleração é perdido na frenagem.

Dessa forma, procure calcular o quanto você consegue fazer em quilômetros por litros na cidade e em uma viagem de longa distância. Compare os dois valores e perceba a diferença do gasto a mais com combustível que tem na cidade.

Categorias
Auto e Ferramentas

Como usar um gerador de energia

Na hora de escolher como usar um gerador de energia, qual seria o melhor para o uso: gasolina ou diesel? Antes de tudo, a escolha do combustível é de suma importância, pois essas características fazem muita diferença no seu bolso. A recomendação é que se for usar pouco gerador de energia, no caso de uma falta de eletricidade, prefira a gasolina; se for usar diariamente, prefira o diesel, por ser mais resistente.

Gerador a Gasolina

Considerando a mesma potência, os geradores de energia a gasolina são mais baratos que os movidos a diesel e custam normalmente cerca de 30% menos. Com relação aos ruídos, os geradores a gasolina são mais silenciosos e, seguindo o exemplo dos carros, também são menos poluentes que os movidos a diesel. Porém, apesar dessas vantagens, a gasolina é mais cara do que o diesel, assim, se você pretende utilizar seu gerador com bastante frequência, é possível que você prefira um movido a diesel.

Gerador a Diesel

Os geradores de energia a diesel são mais resistentes que os movidos a gasolina. Eles compensam se você for usar bastante por conta do diesel ser mais barato e, por ser um equipamento com preço de aquisição mais caro, faz todo sentido que o motor e todos os componentes sejam mais resistentes.

Dimensionar e como usar um gerador de energia são passos também importantes na hora de escolher qual você vai comprar. Você deve levar em conta o consumo de todos os equipamentos que você pretende ligar, em watts.

Essa informação está contida no próprio produto, nas etiquetas onde estão todos detalhes técnicos dos equipamentos. Caso não encontre, é possível também buscar no manual, muitos fabricantes também disponibilizam essa informação no site deles.

Agora que você já aprendeu um pouco dessas dicas, faça a melhor escolha com o seu gerador.