Categorias
Esporte e Lazer

Cadeira de praia infantil: Saiba como escolher

É só esquentar um pouco para a praia começar a encher de pessoas querendo um banho de sol ou de mar. As crianças são as que mais adoram esse passeio em família, pois podem passar o dia brincando e se divertindo. Porém, é importante que elas tenham sua própria cadeira. Quer algumas dicas de como escolher a cadeira de praia infantil para o seu filho? Então confira as que separamos especialmente para você.

Escolhendo a cadeira de praia infantil

Os pequenos só querem saber de brincar e, na hora do descanso, eles precisam de conforto e segurança. Por isso os pais precisam ter atenção quando forem comprar as cadeiras de praia. A importância do tamanho Escolher uma cadeira de praia do tamanho das crianças é importante para o seu conforto. Isso porque elas são projetadas para a altura, peso e características dos pequenos. Além disso, elas são feitas sem cantos ou pontas, evitando que eles se machuquem.

Material que é utilizado

As cadeiras são feitas com plástico ou alumínio. Isso faz com que elas fiquem mais leves, permitindo que a criança leve suas cadeiras para onde quiserem muitas vezes sem a ajuda de um adulto. Outro ponto positivo no material utilizado é que não vai enferrujar. Então, se você gosta de ir muito à praia com seus filhos, não se preocupe com isso. No fim do dia, é só passar uma água para tirar a areia e deixar secar.

Diversos modelos

Você pode escolher desde cadeiras simples, que são dobráveis, como outras fixas. As dobráveis são ótimas para quem gosta de viajar, pois é mais fácil de transportar, enquanto que as fixas são boas para deixar na piscina.

Há também as espreguiçadeiras infantis, que são confortáveis e no tamanho ideal para as crianças. Se quiser, também é possível comprar uma cadeira dobrável temática. Para isso, vá junto com seu filho comprar ou escolha uma com o tema do desenho favorito dele.

O importante aqui é o seu filho gostar da cadeira e se sentir confortável e em segurança.

Categorias
Auto e Ferramentas Esporte e Lazer

Como escolher o melhor quadriciclo?

A potência é uma das coisas a levar em conta na hora de escolher o melhor quadriciclo. Veja as dicas aqui!

Como escolher o melhor quadriciclo?

Ter um mini quadriciclo à gasolina na garagem é garantis de diversão para a criançada e também para os adultos. Com um desses, você pode passear tanto em sítios ou fazendas, como em praias e lugares menos movimentados. Mas qual o melhor quadriciclo?

Se várias dúvidas surgirem na hora de escolher o seu, relaxe: é normal, pois existe bastante coisa que você precisa ficar de olho para entender as diferenças de um modelo para outro. A decisão final é sua, ou seja, vai depender de você saber qual é o modelo ideal para aquilo que você procura. Veja com o que se atentar:

Cilindrada

A cilindrada nada mais é do que a potência do mini quadriciclo. Quanto maior ela for, mais rápido ele vai andar. Portanto, fique de olho, pois os veículos com mais potência geralmente não são indicados para uso infantil. Neste ponto, é importante saber que, dependendo da cilindrada do mini quadriciclo, é preciso fazer o emplacamento dele.

Transmissão

Existem modelos que têm várias marchas e aqueles que são monomarcha, ou seja, marcha única. O principal benefício disso é que você consegue economizar mais combustível e não força tanto o motor do veículo.

Sistema 4×4

Esse benefício é bem útil, principalmente se o mini quadriciclo à gasolina for usado em terrenos mais irregulares, como trilhas, montanhas e areias. O sistema 4×4, que também é conhecido como tração nas 4 rodas, serve para distribuir a força do motor de forma igual em todas as rodas. Isso faz com que o motorista tenha mais segurança na hora de fazer as manobras e também diminui o risco de encalhar na lama, por exemplo.

Modo de partida

Existem dois tipos: o manual e o elétrico. O primeiro, como o próprio nome diz, é preciso usar a mão para ligar. Como demanda um pouco mais de técnica, pois precisa puxar uma cordinha para fazer o motor funcionar, é mais trabalhoso. Já o elétrico é bem mais simples. Você coloca a chave na ignição e aperta apenas um botão.

Categorias
Esporte e Lazer

Como escolher a melhor raquete de tênis?

O tenis pode ser aprendido e praticado por pessoas de diversas idades, melhorando o condicionamento físico e fortalecendo a musculatura. Ainda libera endorfina e diminui o estresse. Se você se interessou pelo esporte, em primeiro lugar precisa providenciar uma boa e adequada raquete. A seguir, mostramos para você como escolher a melhor raquete de tenis.

O material

As raquetes feitas de fibra de carbono são mais leves e oferecem maior controle ao jogador. Já as feitas de alumínio ou titânio são mais resistentes, mas vibram mais e a sua potência pode deixar a desejar.

Se o peso for menor que 283 g, a raquete não é indicada para adultos por ser leve de mais. Iniciantes podem procurar por raquetes de até 310 g.

O grip

O cabo da raquete, conhecido como grip, é a parte da raquete que você segura ao jogar. O tamanho do grip é importante para que você tenha a empunhadura ideal para manuseá-la. Caso essa empunhadura seja inadequada, você não se sentirá confortável durante a prática do esporte e isso, futuramente, pode causar lesões.

Se o cabo for fino demais, acaba se mexendo demais na mão, e isso acontecerá principalmente quando a bola atingir a lateral da raquete. Se o cabo for muito grosso, ele pode escapar da mão. O ideal é que você descubra isso ao segurar a raquete, avaliando se o seu indicador está justo no cabo, ou seja, bem encaixado.

A cabeça da raquete

Até 104 polegadas, a raquete controla melhor a bola. É indicada para os jogadores que ficam mais no fundo da quadra. De 105 a 135 polegadas, a raquete oferece mais velocidade à bola, sendo mais popular no tênis feminino. As raquetes grandes são mais indicadas para quem está iniciando, pois permitem maior controle durante as jogadas.

Você deve se atentar às cordas. Cordas mais apertadas, ou com tensão mais alta, oferecem maior precisão e imprimem menor velocidade à bola. Ainda, podem ser menos confortáveis, pois não absorvem tão bem o impacto, e menos duráveis. As cordas menos apertadas, por sua vez, oferecem menor precisão, mas maior controle da velocidade da bola, melhor absorção ao impacto e ótima durabilidade. O ideal é que você mande ajustar as cordas para o seu uso.

O material das cordas também é muito importante: Nylon: são básicas e mais baratas. Elas perdem tensão rapidamente e têm baixa absorção a impactos. As de tripa sintética também perdem muita tensão e são menos resistentes do que as de nylon.

Poliéster: sofrem com variações de temperatura; mas são bem resistentes a quebras. Tripa natural: sofrem com umidade e são mais caras.

Multifilamento: apesar de caras, oferecem boa absorção ao impacto e são feitas com matérias-primas mais sofisticadas.

Copolímero: proporcionam boa velocidade à bola, além de boa durabilidade, estando entre as favoritas dos jogadores.

Híbridas: misturam dois ou mais tipos de corda, sendo personalizáveis de acordo com o tipo de jogador. Escolha a melhor raquete de tênis para você e aproveite o esporte.

Categorias
Esporte e Lazer

Escolha a melhor mesa de pebolim e divirta-se

Totó, pebolim ou pacau, dependendo de onde você mora, esse jogo é conhecido por um desses nomes. Mas o importante é que ele é um jogo muito conhecido e que muitas pessoas gostam de jogar. E, se você tem interesse em ter uma mesa de pebolim em casa, é necessário prestar atenção em alguns detalhes na hora da compra. Por isso, separamos algumas dicas para você saber escolher a melhor mesa de pebolim.

Escolhendo a melhor mesa de pebolim

No mercado existe uma variedade de mesas de pebolim, cada uma com um detalhe diferente, por ser feita para 2 jogadores ou 4 ou por algum detalhe no design. E, dentre essas características, separamos algumas importantes para escolher na hora de comprar a sua mesa. Confira as dicas:

Barras

Temos 2 tipos de barras, as passantes e as embutidas. As passantes são melhores, pois melhoram a qualidade do jogo. Além disso, elas precisam ser feitas de ferro e não podem entortar facilmente. Se forem cromadas, melhor ainda, pois se tornam mais leves, facilitando a jogabilidade. Já as embutidas são indicadas para quem possui criança em casa, pois elas não saem para fora da mesa quando são empurradas. Dessa forma, não provocam acidentes.

Molas x amortecedores

Se comparados, os amortecedores saem na frente, pois duram muito mais tempo sem perderem elasticidade. Além disso, promovem um conforto maior aos jogadores, que não necessitam de muita força para impedir algumas jogadas.

Bonecos

Quanto mais leves e resistentes forem os bonecos, melhor. Por isso, opte por bonecos feitos de plástico e que tenham uma boa resistência. Note se eles estão bem presos com parafusos de aço, pois eles devem sempre ficar bem presos às barras.

Campo

As mesas profissionais possuem campos planos, sem nenhum desnível. Já as mesas recreacionais possuem o campo com formato côncavo para que a bola sempre volte para o centro. Prefira sempre as mesas profissionais, as que possuem o campo bem nivelado, pois assim você poderá treinar melhor suas jogadas.

Mesas de pebolim e seus detalhes

Mesa sem os pés

A mesa tradicional de pebolim é aquela que é feita para 4 jogadores e fica suspensa em 4 apoios. Porém, você pode encontrar outros modelos de mesas. Alguns desses modelos não vêm com os 4 apoios, dessa forma você precisa apoiar a mesa em cima de uma mesa ou bancada.

Iluminação

Outro diferencial de algumas mesas é que elas possuem iluminação própria. Essa iluminação fica nas laterais do campo, permitindo ter uma melhor visibilidade.

2 jogadores

Há mesas feitas para apenas 2 jogadores. Dessa forma, ela possui uma quantidade menor de barras e bonecos em campo.

Agora ficou fácil escolher a melhor mesa de pebolim para você. Compre a sua e divirta-se!

Categorias
Infantil

Seu filho está pedindo um caminhão de brinquedo? Veja como escolher

Imitar a rotina dos adultos é uma das facetas de muitos brinquedos. Por isso, o caminhão de brinquedo é tão requisitado pelas crianças, pois com ele é possível imaginar as mais diversas situações e criar brincadeiras incríveis. Saiba como escolher o melhor caminhão de brinquedo para presentear quem você ama.

Bombeiros

Essa é sem dúvida uma das estrelas dos veículos de brinquedo que existem nas lojas. O caminhão de bombeiros costuma vir com sirene, escada magirus (aquela escada enorme acoplada ao caminhão que os bombeiros usam) e é movido a pilha. A criança que recebe um caminhão como esse de presente, sem dúvida, tem o mais equipado caminhão de brinquedo da casa.

Caminhão de brinquedo com baú

O caminhão baú é outro modelo de caminhão de brinquedo que atrai muito as crianças, pois com ele é possível imaginar as mais diversas cargas e entregas. Existem aqueles que são miniaturas de caminhões de mudança e ainda os que têm o baú temático e se transformam.

Caçamba

Esse é o modelo perfeito de caminhão para levar à praia, pois na caçamba é possível colocar areia e transportar e descarregar no seu destino final. Dica: se você não quer que o seu filho coloque as mãos na terra, arranje uma areia saudável para ele poder brincar com a sua caçamba em casa.

Caminhão basculante

Uma miniatura daqueles que carregam cimento e concreto nas grandes obras da construção civil. Um brinquedo muito bom para quem gosta da temática da construção civil e quer fazer um canteiro de obras de brinquedo.

Carreta

Esse é um brinquedo que vale por vários. Isso porque a carreta vem carregada de carrinhos, igual às carretas de verdade. Ou seja, quem ganha uma dessas recebe vários presentes em um só. Claro que você pode optar por comprar uma carreta vazia, mas cheia de carrinhos é muito mais legal. 

Esperamos que as nossas dicas de caminhão de brinquedo tenha ajudado você a fazer a sua escolha.

Categorias
Infantil

Como escolher o melhor carrinho de controle remoto para se divertir com a família?

Escolha o melhor carrinho de controle remoto para se divertir com toda a família. Há muitos anos no mercado, os primeiros carrinhos surgiram na década de 60 nos Estados Unidos e começaram a chegar no Brasil na década de 80 com modelos produzidos pelos maiores fabricantes do país, sempre fazendo a cabeça da garotada.

Atualmente esses brinquedos são muito famosos também entre os adultos, que curtiram brincar na infância e ainda são adeptos, assim continuam aproveitando muita diversão agora com os filhos. São diversos modelos e marcas disponíveis para quem gosta de velocidade e muita adrenalina, garantindo imaginação às crianças e momentos especiais para os pais. Quer saber mais sobre essa brincadeira de adultos e crianças? Então confira as informações a seguir.

1 – Modelos 4×4

Você pode brincar em diversos terrenos, como rua, calçada, areia, terra e grama. Os modelos atuais são movidos a gasolina ou rádio controle. O primeiro atinge uma velocidade maior, mas faz mais ruídos e pode precisar de manutenção com mais frequência, pois possui muitos fluidos na mecânica.

2 – Carrinhos com som

Esses modelos possuem sons que imitam ruídos de motor de verdade, com direito a aceleração e trocas de marcha, garantindo uma brincadeira muito mais real. Controlados por rádio controle, as opções vão desde os esportivos e os de competição até os tradicionais de passeio.

3 – Drift

Esses modelos derrapam nas curvas de forma controlada, técnica muito explorada nos games como os da franquia Need For Speed. Para instigar ainda mais a imaginação da criançada, já existem corridas com carrinhos de controle remoto Drift, que seguem todas as regras da liga profissional de Drift, a japonesa D1, como ângulo e aceleração. Agora que você já conhece alguns modelos, escolha o melhor carrinho de controle remoto e divirta-se muito com toda a família.