Categorias
Casa e Decoração Infantil

Decoração para quarto infantil: aproveitando a evolução dos pequenos

A chegada de um bebê é um momento muito especial que os pais costumam se dedicar com carinho para criar um ambiente gostoso e aconchegante para receber o novo (ou a nova) integrante da família. Na hora de pensar na decoração para quarto de criança, no entanto, muitas dúvidas costumam surgir.

Os bebês crescem e é preciso que o ambiente acompanhe também essa evolução. A decoração do quarto do seu filho pode custar caro e ser pouco funcional em alguns casos. Porém, é possível investir em soluções que acompanhem o desenvolvimento dele de forma econômica, inteligente, com muita praticidade e, obviamente, sem perder o charme. Quer saber mais? Então, acompanhe essas dicas.

Que tal neutralidade na decoração para quarto de criança?

Se você quer criar um ambiente que acompanhe as diversas fases do seu pequeno, uma boa dica é investir na neutralidade. Na hora de pintar as paredes, escolha tons neutros como branco ou bege, por exemplo. Não é proibido mesclar cores, ou fazer combinações diferentes, desde que as tonalidades escolhidas sejam mais neutras.

Invista em móveis inteligentes

Um quarto básico de bebê geralmente conta com uma cômoda, um berço, um armário e uma poltrona de amamentação. Alguns itens, no entanto, podem ser utilizados também durante boa parte da infância, se forem bem escolhidos. Opte por um berço que vire cama, por exemplo. A cômoda também poderá ser reaproveitada para guardar roupas e acessórios de toda a família. Quando escolher o armário, escolha um móvel maior que possa acomodar roupinhas maiores e mais itens, como brinquedos, por exemplo. Os armários modulares são uma excelente opção. 

Aposte nos objetos de decoração

O grande segredo de uma decoração prática para quarto de criança é apostar nos objetos. Afinal, são eles que dão personalidade ao ambiente, e é possível decorar com brinquedos que se adequam à faixa etária da criança. Enfeites e ursinhos de pelúcia sempre dão um toque alegre ao ambiente. Você pode investir neles sem nenhum receio.

A vantagem de contar com uma base clara é que você pode brincar com as cores dos objetos, deixando o ambiente super colorido e vibrante ou mais acolhedor com tons pastéis.

Uma base neutra para o quarto também garante que no futuro seu filho possa participar da decoração, colocando toque e a personalidade dele nos objetos que mais gostar.

Visite o site do Carrefour e veja as diferentes opções de decoração dos personagens de Disney Baby decorar o quartinho do seu filho.

Categorias
Esporte e Lazer

Veja qual boia de braço é a mais indicada para as crianças

Criança sempre gosta de brincar na piscina, no rio ou no mar. Porém os pais precisam ter uma atenção maior nessas horas. Um item essencial para se ter nesses momentos é a boia de braço. Com ela a criança vai ficar mais segura. Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre esse item e saber algumas dicas. Confira:

Modelos de boias existentes

Colete

Esse equipamento de segurança é mais indicado para crianças abaixo dos 4 anos. Isso porque é mais difícil de a criança tirá-lo. Porém, é importante comprar o colete adequado para não ficar subindo e incomodar a criança.

Boia de assento

Esse modelo é recomendado para bebês e pode ser usado assim que eles estiverem mais firmes. O bebê é colocado dentro da boia, encaixando as pernas no assento. Porém é necessário tomar cuidado para que os pequenos não virem a boia.

Boia de braço

Mais indicada para crianças maiores de 4 anos, a boia de braço dá mais liberdade para os pequenos se divertirem mais na água. Alguns pais usam esse equipamento em crianças menores de 4 anos, porém é preciso encontrar uma boia que não escorregue facilmente pelo braço.

Tipos de boia de braço

Além do modelo tradicional, que são 2 boias, uma em cada braço, há o modelo com peitoral, em que as boias dos braços ficam ligadas a uma boia que fica na altura do peito da criança. Assim, a criança tem uma proteção a mais e dificulta a saída da boia do braço.

Apesar de colocar as boias de segurança nas crianças, elas nunca devem ficar na piscina ou no mar sem a presença de um adulto. Acidentes podem ocorrer e, nessas horas, ter um adulto por perto vai fazer toda a diferença.

Categorias
Infantil

Sugestão de presente para criança

Presentear crianças é fácil, pois elas costumam se agradar com pouco. Porém, é preciso se atentar à faixa etária recomendada para o produto, tamanho das peças, no caso de roupa, e à finalidade educativa de brinquedos e jogos. Para ajudar na missão, segue sugestão de presente para criança. As sugestões se dividem em 3 áreas de desenvolvimento importante para crianças: educação, artes e atividade física.

Brinquedo educativo

A infância é o momento ideal para introduzir conhecimentos e valores em uma pessoa e uma boa forma de aprender é se divertindo. Então, na hora de presentear uma criança, é interessante procurar por um brinquedo ou jogo com alguma finalidade educativa. Quebra-cabeças, jogo da memória e jogos de estratégia no geral são algumas opções. Para os mais novos, livros para colorir, jogos que ensinem letras, números e cores também são interessantes.

Atividade física

Mexer o corpo é tão importante quanto estimular a mente. Nesse sentido, presentes que incentivem a prática de exercícios físicos podem ajudar. Bola, patins, skate, bicicleta e adereços próprios de cada modalidade esportiva nunca saem de moda e sempre agradam a criançada.

Presente para criança: arte também é importante

Estimular o desenvolvimento de alguma habilidade artística nas crianças é muito importante. Se você percebe que o pequeno tem alguma inclinação para tocar um instrumento, escrever ou desenhar, por exemplo, vale a pena incentivar esse talento presenteando com um instrumento musical, um curso ou um livro que fale sobre a área de interesse.

O leque de opções é variado, mas o interessante é prestar atenção na criança para tentar descobrir o que desperta seu interesse de verdade.

Pronto, agora que você já sabe como escolher um presente para criança, que tal presentear filhos, sobrinhos, afilhados, filhos de amigos e outras crianças com quem convive? Saber se acertou na escolha vai ser fácil. Afinal, criança não sabe esconder quando não gosta de algo, não é mesmo?