Categorias
Esporte e Lazer

Qual é o melhor tênis para corrida?

Encontrar um tênis de corrida que se adapte perfeitamente aos seus pés não é uma tarefa fácil. O mercado oferece tantas opções que, às vezes, pode te deixar confuso. Porém, vale a pena investir um tempo para se informar e comparar os diferentes modelos, uma vez que o seu calçado tem um papel fundamental na absorção e redução de impacto ao correr. Se você escolher o tênis de corrida errado, pode aumentar o risco de ter lesões, o que está longe de ser o ideal. Neste post oferecemos as principais dicas para te ajudar a escolher um tênis de corrida. Confira!

Descubra o seu tipo de pisada

Antes de qualquer coisa, é importante entender qual é sua pisada. Para isso, é necessário saber a altura do arco do pé, pois afeta a direção e a gravidade da rotação – ou pronação. Dependendo de cada pessoa, o giro do pé pode ser menor ou maior. A seguir mostramos os três tipos e como eles funcionam:

– Neutra: quando o pé gira de uma maneira equilibrada, seguindo em linha reta até a elevação do dedão.

– Pronada: normalmente faz com que o pé gire excessivamente para dentro.

– Supinada: o pé toca o chão no lado externo do calcanhar.

Ter uma pisada pronada ou supinada não é bom nem ruim, mas afeta a forma de corrida e pode causar lesões. Por isso, os tênis têm designs diferentes que levam em consideração distintos tipos de pisadas. Dependendo do tipo de pronação que você tem, você deve escolher um determinado calçado.

Tênis ideal para o seu tipo de pisada

Agora que você sabe qual o seu tipo de pisada, é hora de conhecer os modelos de tênis para corrida. Os tênis geralmente são classificados em três categorias. Essas categorias nem sempre são informadas no calçado ou na caixa, portanto, pergunte a um vendedor ou faça sua pesquisa online. A maioria das marcas possui essas informações em seus sites.

Tênis com estabilidade: são melhores para corredores com pés de arcos normais. A estabilidade adicional que esses calçados oferecem vem de suportes extras nas laterais do arco e espuma de alta densidade. Tênis de estabilidade são normalmente construídos com um arco suave da frente para trás que fornece firmeza do pé traseiro e flexibilidade do antepé.

Tênis com controle de movimento: são ótimos para corredores com pés chatos e pesados ​​que tendem a pronação excessiva. Esses calçados normalmente têm materiais rígidos feitos de plástico, fibra de vidro ou espuma de alta densidade. A área do arco nesse tipo de tênis é preenchida para maior estabilidade, por isso há uma cor diferente na entressola. A rigidez extra desses calçados previne que o calcanhar gire para fora. 

Tênis com amortecimento: apoiam pessoas com pés rígidos e arcos altos que tendem a pisar com a parte externa do pé. Este calçado altamente flexível é construído com uma curvatura apropriada e feito de materiais leves que fornecem rigidez mínima com amortecimento ideal.Se você seguir essas dicas básicas ao procurar um novo tênis de corrida, encontrará um calçado que se adapta às suas necessidades específicas e tornará a corrida muito mais agradável!